Seu Navegador não tem suporte a esse JavaScript!
 
A CIDADE DO VERDE

HISTÓRICO SOBRE A ORIGEM DO MUNICÍPIO  Oficialmente Luiz Antonio não tem uma data de fundação. A história sobre a origem da cidade é atípica. Segundo historiadores, a primeira edificação no ponto onde hoje é Praça Mário Junqueira, no centro da cidade, teria sido de uma espécie de farmácia implantada no final século XIX. Naquela época, neste local existia um entroncamento de duas estradas utilizadas para o transporte da produção agrícola da região. Essa farmácia teria sido construída pelo viajante Carlos Loyola para pagar uma promessa. Conta a história, que após ter tido uma cegueira repentina no momento que passava pelo local em companhia de um empregado, Carlos Loyola teria feito uma promessa à Santa Luzia, que se caso se curasse daquele mal repentino instalaria naquele local uma Botica (espécie de farmácia) para vender produtos farmacêuticos ao povo daquela região e aos viajantes. Como Loyola voltou a enxergar quase que imediatamente após a promessa, atribuiu a cura a um milagre da Santa Protetora dos Olhos. Curado, o viajante pagou sua promessa construindo um barracão onde implantou a farmácia, que depois viria a ser um armazém que comercializava desde alimentos até utensílios domésticos e agrícolas. Nasceu então neste local, o povoado da Vila Jataí, que era como se chamava Luiz Antonio antigamente. A origem deste nome se deu devido o povoado estar na rota do Porto do Jataí, que ficava no Rio Mogi Guaçu, por onde se escoava a produção agrícola da região, sobretudo, a produção de café que dominava naquela época. Portanto, Carlos Loyola é tido como o primeiro habitante de Luiz Antonio. 

ORIGEM D